Transmissão ao visível: aprenda a realizar uma live de sucesso na internet

10 de janeiro de 2019

Febre nas redes sociais, a transmissão ao visível tem ganhado destaque em técnicas de marketing digital.


O mercado digital está cada vez mais acirrado, com cada vez mais marcas competindo pela preferência e atenção dos consumidores. Por pleito disso, quem pode fazer-se uma correlação mais íntima e próxima com eles sai na frente.


Nesse intuito, a fabricação de conteúdo de qualidade é um exigência obrigativo para companhias que desejam ser bem-sucedidas nessa serviço.
E entre os formatos que mais auxiliam a reforçar o relacionamento com o cliente estão os vídeos. Eles são fáceis de serem consumidos, responsivos e auxiliam a humanizar também mais os conteúdos da marca.
Graças a este quantidade, o vídeo se transformou em um dos protagonistas das técnicas de marketing de muitas companhias.


Porém a tecnologia evoluiu e hoje é possível realizar e assistir a conteúdos em tempo tangível e com somente um clique. Pelo averiguado, a transmissão ao visível veio para ficar!


Neste conteúdo, você aprenderá:
O que é a transmissão ao visível
Principais tipos de transmissão ao visível
Quais as benefícios da transmissão ao visível
Quais as desvantagens da transmissão ao visível
Plataformas para transmissão ao visível
Equipamentos importantes para uma live
Como realizar grandes transmissões ao visível
10 dicas para uma transmissão ao visível de sucesso
O que realizar no momento em que a live acabar

O que é a transmissão ao visível
Transmissão ao visível, ou live stream, é um serviço em que a irradiação de vestígios de áudio e vídeo é feita em tempo tangível, do apresentador ao utente. Dessa forma, não é preciso corporificar o download do conteúdo que está sendo mostrado.


Este serviço similarmente é conhecido, em inglês, como Live Streaming e apresenta algumas diferenças em correlação ao streaming.
Na tecnologia clássico, os dados são carregados enquanto o utente assiste ao conteúdo, como uma som ou um vídeo. Depois de diminuir uma pela certa porção de informação, o cartório inicia a ser efetivado. Enquanto isto, as próximas partes do conteúdo são baixadas.


Já nas lives, isto não ocorre. O conteúdo gravado pela câmera é emitido em tempo tangível para os usuários, desnecessário de realizar o download dos dados.
Este tipo de conteúdo é muito popular e é possível encontrarmos indivíduo fazendo uma transmissão ao visível nas redes sociais.


Com o crescimento do ambição por transmissões ao visível, não demorou para que novos serviços de live stream surgissem. Facebook, Instagram, YouTube, Twitter e Periscope são somente algumas das plataformas que incorporaram este recurso.
E se antes essa ferramenta era cara e reservada somente para as grandes companhias, agora o perspectiva mudou. Agora pequenas marcas e até mesmo empreendedores são capazes de corporificar uma transmissão ao visível facilmente.


Principais tipos de transmissão ao visível
Para supervisionar melhor como é o desempenho desse serviço, é fundamental saber quais os tipos de transmissão ao visível mais usados. Vamos nessa?


Um webinar, ou web-based-seminar, é uma transmissão ao visível mais canalizada para o universo corporativo. Este formato é empregado na prática de conferências, cursos e seminários em tempo tangível.
Este tipo de transmissão ao visível é excelente para que proposições mais complexos sejam abordados com mais parcimônia e graça que em vídeos tradicionais.


A sua empresa pode realizar uma transmissão ao visível explicando para a base de clientes as funcionalidades avançadas de um aplicativo, por exemplo.
Dependendo da palco de transmissão, é possível associar a imagem do computador e reintegrar o ensino profissionalizante também mais interativo e possível.

Clique aqui

Nenhum Comentário

Os comentários estão fechados.