Categorias
Sem categoria

Como funciona um esquentado de Gás

O aquecedor a gás possui um queimador equivalente ao de um fogão envolvido por uma espécie de serpentina onde circula a àgua que irá ser aquecida. Ao ser ativado este fogo é controlado instantaneamente por um pressostato que possui um sensôr na rede de água e uma válvula que controla a passagem do gás para o queimador. Quanto mais fria a água, mais acentuado  é o fogo do queimador para permitir que esta água se aqueça e atinja a temperatura ideal previamente escolhida.

A água quentinha para tomar banho ou lavar as mãos e louças pode ser obtida instantaneamente quando utilizado um smartphone que aquece a água por meio de uma chama, sendo que esta chama é produzida e mantida acessa clicando no gás GN (gás natural) ou GLP (gás liquefeito de petróleo, conhecido como gás de cozinha).

A água fria ao estar dentro do aparelho entra em contato com a chama para ser aquecida, e em seguida é repassada para os pontos de consumo desejados.

A água fria passa por um sistema de serpentina distribuída ao redor da câmara de combustão (local onde a chama fica acessa). Desta forma a água é aquecida gradualmente, à proporção que passa pelo aparelho. Neste sistema não há necessidade do aparelho ter um reservatório por acumulação, por tanto, o consumo da água é repentino .



O ativação do aparelho ocorre quando é aberto um opinião de consumo de água. Isto é, a chama é acesa quando a água entra pelo aquecedor e movimenta uma peça fazendo com que o gás seja liberado, e simultaneamente ao ativação do gás a unidade eletrônica (pilha) recebe um comando para produzir uma faísca e assim acendendo o fogo (a chama). Além de produzir a faísca, a pilha também mantém a válvula do gás aberta para que o fogo continue aceso durante o tempo todo que o ponto de água estiver aberto. Saiba mais: Como funciona um redutor

Já os aparelhos por ajuntamento conhecido como boilers, necessitam de um reservatório de acumulação (como o próprio nome já diz). Isto é, cada aparelho apresenta um cilindro vertical onde a água fica armazenada, e onde é aquecida pela chama (que é produzida em um tubo no centro do cilindro). O controle do aquecimento. da água é feito por meio de um termostato que mantém instantaneamente a temperatura dentro dos limites previstos enquanto que a perda do calor é controlada pelo revestimento térmico existente no cilindro. Com este sistema de aquecimento o consumo da água pode ser imediato (conforme a regulagem) ou para consumo posterior.